sábado, abril 11

Nós, europeus!




Como podemos ver na última foto de campanha, Sócrates e Vital Moreira gostam de mini saias. Afinal, podemos dormir descansados, não se trata de mais um regresso ao passado. Foi apenas um excesso de zelo de algum funcionário vegetariano.

32 comentários:

luisM disse...

Não te deixes enganar. A foto foi feita num Spa dum paraíso fiscal. Nem se pode fazer chantagem com as personagens porque se registaram num paraíso legal e porque as contas bancárias são mesmo intocáveis (nisto reside um mistério que nunca hei-de compreender).

Mas olhando bem para o Vitalinho...Olha lá... Tem uma pernoca... Vai lá, vai!

Ogre disse...

Onde é que descobriste estas gajas my brother? A da esquerda, mesmo com o bigode, já ganhou.
Quem disse que temos os políticos mais feios? calúnias

Anónimo disse...

O TROLL É UMA ESPÉCIE DE PAPARAZZI

Larose disse...

dassssssssssss que até me assustei!

Boa Páscoa!

Aníbal C. Silva disse...

Neste momento de crise e de sacrifícios para o país, preocupa-me que os responsáveis adoptem atitudes ligeiras ao invés de mobilizarem os esforcos da Nação com o seu exemplo. Este não é o tempo para travestismos carnavalescos, mas para a dedicação, o trabalho aturado, a concentração e a seriedade dos assuntos públicos. Os cidadãos assim o exigem e Portugal não se pode desmoralizar, sob pena de se afundar na crise geral e dos valores, em particular.

José Lello disse...

O Presidente governa? Não é o seu papel, nem deve imiscuir-se nos assuntos do Governo. Estes são da responsabilidade do 1º Ministro, que dará a sua orientação e o estilo que definiu ao modo como os assuntos da sua responsabilidade serão tratados. Não se podem confundir os poderes e o Sr Presidente deve tomar posições públicas, seguindo as vias normais e definidas pelas leis da República. Deixo aqui a pergunta: O Sr. Presidente reuniu com o Sr Primeiro Ministro? Está a par da accão política a que se refere a imagem (que nunca deveria ter vindo a público)?

Jerónimo de Sousa disse...

Camaradas e companheiros, está à vista o que sempre dissemos. A atracção que o estilo de vida burguês exerce sobre as massas só conduz à corrupção. Este deprimente espectáculo da elite social-democrática, que vive desafogadamente à custa do suor dos trabalhadores não pode ser a via para a resolução dos problemas do nosso povo. Enquanto os patrões fecham empresas com a cumplicidade deste governo, os seus dirigentes divertem-se, na certa desbaratando os fundos de sacos azuis, que esses mesmos patrões encheram, para não serem incomodados pelos seus actos criminosos contra a economia nacional.

José Sócrates, Eng e 1º Ministro disse...

...E quero deixar aqui bem claro, que a má-fé dos jornalistas está a contribuir novamente para denegrir o meu bom nome e a minha dignidade. Nisto, estão a ser alimentados por toda a oposição irresponsável, que apenas se preocupa com a chicana e a calúnia política, uma vez que não possuem argumentos válidos para contestarem os actos governativos.

Trata-se de mais uma conspiração a erguer-se, com a cumplicidade dos meios de comunicação, que visa fins eleitoralistas inconfessáveis. Na foto, nem sou eu nem está presente o nosso cabeça de lista às eleições europeias. A prova é que, esta semana não rapei as pernas, como se pode ver nas fotos da corrida da ponte.

Os tribunais tratarão do caso e os responsáveis serão processados judicialmente. E politicamente serão derrotados nas urnas.

Manuela F. Leite disse...

O Sr Primeiro Ministro está cada vez mais a cair no desespero. Em tudo vê conspirações e calúnias contra a sua pessoa. É a fuga para a frente de quem observa a nulidade das suas políticas para combater a crise e poder criar um clima de optimismo no País. Além do mais, face às suas acusações de envolvimento da oposição responsável nesta propalada cabala contra si, vamos exigir um inquérito independente e rigoroso à imagem divulgada, que deverá ser feito pela polícia científica. Verificaremos se se trata de aldrabice, ou se se trata de uma campanha do partido do próprio 1º Ministro, para se vitimizar e desviar as atenções do fundamental: a política.

José Lello disse...

A máxima dirigente do maior partido da oposição decidiu falar? Espanto! Mais veio apenas com uma conversa desculpabilizadora, que revela uma consciência pesada. É a táctica política dos debates públicos, fazer muito barulho para desconcentrar e intimidar os adversários. O que o país queria ouvir da Sr. Deputada era a afirmação inequívoca que o seu partido não tem nenhuma responsabilidade nesta calúnia e que irá envidar todos os esforcos para punir esta ralé da maledicência. E se assim não fez, será por entender que a razão nos assiste?

francisco louçã disse...

É a política espectáculo irresponsável a que estamos assistindo. Os trabalhadores estão penando, com um futuro imediato muito pouco apelativo e o bloco central, principal responsável pelo descalabro da economia, distraindo os portugueses, à maneira do circo romano, enquanto o capital financeiro global aproveita esta suposta crise para se (re)compor com os fundos públicos, pulverizando a concorrência mais fraca. Estamos no mundo da ficção mais hipócrita que nos é dado ver, com esta exibição das nulidades das suas ideias.

Silvares disse...

Estes mafiosos, que jorram minhocas de terra lamaçenta pela boca não têm a mínima decência. Tudo aproveitam para encherem as gordas barrigas cheias de merda. Mascaram de ideias um palavreado pomposo e inchado como um balão, atacando-se como galos numa capoeira com poucas galinha. Mas não são nada competentes. Deixam a baba fétida escorrer num vómito pardacento, como a sua política.

Deviam ser varridos, na corrente desta crise!

Carmelinda Pereira disse...

Não queremos essa política da burguesia que despreza os trabalhadores! Não queremos uma política que deixa os trabalhadores de fora da resolução dos seus problemas e da defesa dos seus direitos! Não queremos estas políticas que só favorecem o capitalismo global à custa da exploração dos trabalhadores e do sacrifício das suas vidas! Os partidos de esquerda têm de se unir e discutir novas políticas, que sirvam os interesses dos trabalhadores!

Paulo Portas disse...

Enquanto os empresários procuram modos de defenderem as empresas, com a preocupação de não provocarem mais sacrifício ao País, depois dos governos do bloco central terem desbaratado a lavoura portuguesa, o que parece restar à Nação? Barricar-se em casa para se defender dos criminosos cuja agressividade parece ser o único progresso que o governo do Eng Sócrates tem para nos apresentar. Bem mascara as estatísticas, bem joga com os números, mas os Portugueses e as Portuguesas apercebem-se que é simples cosmética com vista à sua desresponsabilização! E qualquer coisa vai sendo feita pelas pressões das nossas propostas. Senão o governo ficaria paralizado, estupefacto perante uma crise para a qual não está preparado, nem tem ideias. Só assim se compreende o desespero do 1º Ministro em querer tornar-se uma menina casadoira para arranjar um dote.

Daqui dizemos, Sr. 1º Ministro, não é com panaceias que resolve a crise e não será com um dota arranjado manhosamente que poderá aumentar as pensões dos reformados.

José Lello disse...

O jornalista Paulo Portas sabe muito bem do que fala, com a sua experiência no Independente. Tem muita bagagem de contra-informação e de fabricação de casos políticos. Não nos admiraríamos que soubesse algo deste assunto.

E depois, quem é ele para criticar as meninas casadoiras..?

Troll disse...

Caneco, nunca mais me meto com gajas destas!

CybeRider disse...

Impossível caro Troll! Deve insistir e aperfeiçoar e diversificar a apresentação! A estas pequenas falta apenas roupa íntima preta e unhas vermelhas. E para a próxima deixe ver também os tornozelos. Seria a perfeição!

Sá Fernandes autarca independente disse...

Bem desde que a imagem não se torne cartaz para as eleicões Europeias, tudo bem. Aviso desde já que, se isto não passa duma pré-campanha, cujo desenvolvimento preveja a colocação de cartazes gigantes no Marquês de Pombal, interponho de imediato uma providência cautelar, cujo teor passo de imediato a redigir. No Marquês não! Ponham lá para a Cova da Piedade, ou Porcalhota ou assim. Se for em Oeiras tomem atenção às "coimas"!

Maria Emília de Sousa disse...

Na Cova da Piedade não pode ser. Almada não é um dormitório de Lisboa. Tem vida própria e é um concelho em crescimento, com uma excelente mobilidade. A reconversão urbana está a ser feita num bom ritmo e existem regras para a propaganda política ser posta na rua. Almada é um concelho com uma vida cultural muito intensa, em que os agentes locais se têm empenhado com grande dinamismo e criatividade, sempre apoiados pela autarquia!

A não ser que o Sr. Vereador esteja a confundir os responsáveis pela gestão autárquica. A autarquia é gerida pela CDU, não pelo seu futuro colega de partido, Paulo Pedroso! Não deixaremos que o refugo de Lisboa seja enviado para um concelho de Abril.

luisM disse...

Ena cum caraças! Onde eu me vim meter!
Parabéns ao Troll e ao Ogre. Um blogue com meia dûzia de dias (vá lá, uma dúzia) e com esta animação de gente. E que gente! Não me admiraria nada que o Marcelo Caetano ainda viesse trazer o seu contributo! Se ele não aparecer, tem ainda uns amigos por aí que o podem substituir. Desde o socialista, ex-delfim, Freitas do Amaral, passando pelo excelso ministro de educação, também PS, ao historiador José Hermano, e á reserva intelectual do PP, que aié foi ministro. Tudo gente com uma experiência destas coisas bastante desenvolvida!

Vou-me calar, e ouvir apenas estes convidados. Penso que aprenderei bastante!

Anónimo disse...

Pois, não podia faltar nesta espécie de trapalhada a identificação, que a gente esquerdalha faz, do PS com o passado antidemocrático. O PS, para esses energúnemos, é uma espécie de asilo onde cabem todos os transfugas das outras ideologias. Não concebem que o pensamento pode evoluir e as perspectivas de futuro seram actualizadas. As pessoas mudam, e a esquerda festiva, muito rápida na denúncia, mas muito lenta no entendimento dos factos, não percebe que estas pessoas, além de serem gente de bem, com grandes contributos dados à sociedade e provas públicas referenciadas, constituem um pouco da nossa elite intelectual.

Para além do mais, o PS não precisa de provar nada a ninguém, nem receber lições de democracia. Lutou e sempre lutará contra todas as forças anti-democráticas

José Lello disse...

És tu Paulo?

Ogre disse...

Tantas caras novas (se assim se pode dizer)!

Obrigado pelos contributos dos novos visitantes, aos outros o abraço do costume.

Mas vamos desenrolar esta trapalhada, que já não sei a quantas ando. Troll, my man, nunca mais convides as irmãs dos políticos cá para casa.

Garcia Pereira disse...

Que é lá essa coisa? Então eu não posso dizer nada?
Quer dizer todos opinam e quando chego eu querem fechar a porta? Não é possível esta descriminação! É a imagem da democracia burguesa, uma ditadura travestida de estado de direito!
Defenderam o que quiseram todos os responsáveis por esta falsa crise: responsáveis porque têm cozinhado as leis com que amordaçam e amarfanham o povo; falsa crise, porque os trabalhadores nunca deixaram de estar em crise, e a burguesia bem instalada não está, nem nunca esteve.

Quanto ao que aqui nos trouxe, é a demonstração do que sempre temos dito. Quando o barco se afunda os responsáveis olham para o lado, disfarçam-se procurando fugir como ratos pelo intervalo da chuva (como diz a sabedoria popular).
É vê-los depois gozando chorudas reformas, mais que douradas, em paraísos balneares, enquanto o povo fica chafurdando na lama que esses parasitas deixaram para trás!

Deixem-me já interpor um processo de (más) intenções até às eleições, congelando as contas bancárias e obrigando a que essa gentalha seja obrigada a apresentar-se na esquadra da Pontinha todas as semanas.

José Catello Branco disse...

Oh lálá, estas gajas são mesmo boas e eu que sóa as tinha visto vestidas!

Troll disse...

Amigo Cyberider, Esta casa é muito séria, não queremos cá badalhoquices. Esta foto faz parte duma colecção íntima, que o Sr. Engº, entregou à nossa guarda. Apesar de podermos ver o seu apego pela mini-saia e até as suas belas pernas de atleta, não há por aqui lingerie preta e perfumes esquisitos. São fotos de gente séria.

CybeRider disse...

Antão sende assim já nã digue mai nóda!

(Pôs se já tá tude dite!)

:)))))))

sagher disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
sagher disse...

que belo par que aqui está
putas finas, depravadas
o que eu mais lhes desejo
é ve-las um dia empaladas

Conceição Duarte disse...

Jesus! Não tenho nada contra travecos, viados, pardos, brancos, sapatas, absolutamente nada, só tenho contra a exposição a que se expõem. Para quê isso??? Olha a coooooooooooooisa? Que coisa! E a delicadeza dos bracinhos? Ah, quer saber, são duas babys, lindas! Bobo!
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk


C
O
N

Isabel Pedrosa Pires disse...

Parabéns!
Bêjo

Anónimo disse...

Os sexos não estão trocados? Ora e esta?